EXCLUSIVO: Irmã do “BBB” Diego admite furtos durante período com drogas e ida para clínica de reabilitação

Publicado em 12/02/14 às 18h25 por Marcus Sadok

bbb-141

Diego participa da atual edição do “BBB”

É preciso muita coragem para admitir para o Brasil inteiro um envolvimento com drogas. Assim, o carioca Diego foi notícia em todo o país ao declarar seu problema com o vício no passado.

Em dado momento, ele chegou a dizer que “assalto quase não fez” e causou burburinho na imprensa e nas redes sociais.

Hoje, com o problema superado, Diego fala tranquilamente sobre o problema. Procurada pelo RD1, a irmã do “BBB”, Michelle Crossi, revelou que não esperava que ele contasse isso no reality. “Fomos realmente surpreendidas, mas estamos tranquilas em relação a isso, afinal, foi opção dele contar”.

Segundo ela, sua mãe está orgulhosa com relação a postura do participante no “Big Brother Brasil”: “Minha mãe está orgulhosa com a participação dele, por conta das atitudes, honestidade e sinceridade.”

Confira a entrevista na íntegra:

RD1 - Diego comentou no “BBB” sobre um problema que teve no passado com drogas, hoje superado. Como vocês reagiram com essa declaração lá dentro?

Michelle - Não esperávamos que ele comentasse isso no programa, fomos realmente surpreendidas, mas estamos tranquilas em relação a isso, afinal, foi opção dele contar. Além do mais, é uma bela história de vida e superação.

RD1 - Quando ele tinha esse problema, a família sabia? Como foi o processo de recuperação?

Michelle - Nós sabíamos do problema e, inclusive, lutamos ao lado dele tentando superar essa fase. Foi difícil, mas, com o apoio da família e amigos, além de muitas conversas com mamãe, ele se internou em clínicas de reabilitação.

LEIA MAIS: Após revelar envolvimento com drogas, Diego fica novamente pelado na casa

RD1 - Ele revelou que assalto “quase não fez”. Vocês têm conhecimento disso? O blogueiro Hugo Gloss revelou um depoimento de uma pseudo vítima…

Michelle - Acredito que meu irmão fez mal uso das palavras, o que ele quis dizer foi “assalto quase fiz”, tanto que logo depois ele afirma ser medroso demais para fazer isso, porém, uma coisa que me lembro de acontecer algumas vezes foram pequenos furtos dentro de casa para vender e comprar a droga. Quanto ao Hugo Gloss, acho que ele foi pouco profissional ao postar algo sem consultar a família e, pior ainda, sem provas. Oportunismo sempre surge em situações como essa, afinal, se fosse verdade, a suposta vítima teria aparecido antes do Diego contar isso no programa.

RD1 - Diego, então, é um exemplo de superação. Acredita ser mais um estímulo para ele rumo ao prêmio milionário do programa?

Michelle - Sim, com certeza o fato dele ter estado no fundo do poço, e agora ter a oportunidade de retornar milionário, ajudar a família e mamãe, como ele sempre diz que vai fazer, é um grande estímulo.

RD1 - Como sua mãe está reagindo com tudo isso e a participação dele na atração?

Michelle - Minha mãe está orgulhosa com a participação dele, atitudes, honestidade e sinceridade, ela ficou feliz ao vê-lo capaz de falar abertamente sobre esse assunto que o envergonhou por muitos anos e que só foi compartilhado com amigos próximos.